MÃE NARRA O DESESPERO QUE PASSOU PRA SALVAR A FILHA DE DOIS ANOS, APÓS NAUFRAGIU ONDE O MARIDO E O FILHO MORRERAM

=》Andar sem colete, vício amazônico!

Mãe passou a noite com a filha de dois anos em uma canoa alagada, presa a um tronco de arvore, que descia o rio. 

Pai e Filho, identificados como Genivaldo Braga de Souza, 33, e Leonardo Oliveira de Souza, 10, morreram afogados nesta segunda-feira (26), por volta das 13:30h, quando viajavam em uma canoa que naufragou após bater em um tronco de madeira em um afluente do rio Purus, proximo a Vila do Pupunha, comunidade Bom Jesus, Zona Rural de Beruri.


A família tinha ido à cidade de Beruri onde fizeram compras, a criança tomou vacina e eles retornavam pra casa.


A mãe, Ivonete Medeiros de Oliveira, 24, e a filha de dois anos conseguiram escapar com vida. A mulher relatou ao Corpo de Bombeiros os momentos de aflição que ela passou para salvar a filha, enquanto ouvia o desespero de seu marido que tentava salvar o filho do casal. 


“A correnteza estava muito forte, foi quando a canoa bateu em uma tora de madeira e eu  cai no rio junto com a minha filha de dois anos no braço, quando eu estava tentando me salvar e salvar minha filha eu ouvia o Genivaldo pedir para meu filho largar seu pescoço que eles iriam se salvar, mas ele com medo, por não saber nadar, disse ao pai que não largaria pois iria morrer, foi quando não ouvi mais eles, eu tentava flutuar com minha filha, que por duas vezes escapou do seu braço, até que a canoa que havia afundado, boiou, e eu coloquei ela dentro da canoa. Nós fomos arratadas por cerca de 400 metros pela correnteza, até que consegui segurar em uma árvore. Eu gritava por socorro, mas ninguém ouviu, nós passamos a tarde e noite na canoa, eu gritava por socorro, mas ninguém apareceu. Somente de manhã  por volta das 08:00h de ontem, um pescador viu a gente e nos pegou”. 


Os corpos de Genivaldo e Leonardo só  foram encontrados na noite desta terça-feira (26) por moradores da comunidade.

Publicado por Conect News AM

Professores licenciado em matemática, especialista em mídias para a educação e gestão escolar. Trabalha como repórter da Grupo Rede Amazônica.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: