Homem que matou a esposa com 18 facadas em Itacoatiara foi condenado a 22 anos de prisão.

Foragido desde o crime o réu foi preso em maio deste ano na cidade de Beruri, no rio Purus e quase oito anos depois de ter sido cometido, um crime que chocou a cidade de Itacoatiara teve seu julgamento concluído. Leonardo Adriano da Mota, de 54 anos, foi condenado,a noite dessa quarta-feira (31/7), a 22 anos de reclusão pelo assassinato da própria esposa, a dona-de-casa Ana Maria Lobão Dacio, à epoca com 41 anos.

O crime aconteceu em 2011 Leonardo Adriano Mota depois de deferir as facadas na esposa Ana Maria Lobão na época o crime chocou a população da velha seria ele foi preso pela Polícia Militar em maio deste ano na cidade de Beruri .

O julgamento aconteceu na tarde de ontem no fórum de Justiça de Itacoatiara.
Leonado foi condenado a 22 anos de prisão por homicídio qualificado e vai cumpri pena na unidade prisional de Itacoatiara.

Publicado por Conect News AM

Professores licenciado em matemática, especialista em mídias para a educação e gestão escolar. Trabalha como repórter da Grupo Rede Amazônica.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: